Noticias

TSE divulga lista de distribuição de tempo do horário eleitoral

Já está disponível para consulta a tabela com a representatividade dos partidos políticos na Câmara dos Deputados que serve de base de cálculo para a distribuição do tempo da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão nas Eleições 2020. A Portaria TSE nº 722/2020, publicada nesta sexta-feira (25), no Diário da Justiça eletrônico, define oficialmente o tempo da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão que cada partido terá na campanha deste ano. O cálculo foi feito com base na representatividade na Câmara Federal e o espaço maior ficou com o PT, com 54 deputados eleitos em 2018. Depois vêm o PSL, com 52 deputados, e na terceira colocação o PP, com 38 deputados. A nova conjuntura partidária foi levada em consideração no cálculo no caso de fusões ou de incorporações. Este, por exemplo, é o caso do partido Podemos, em que foram acrescidas seis cadeiras obtidas pelo antigo PHS. Do total do tempo de propaganda, 90% foram distribuídos proporcionalmente ao número de representantes que os partidos tenham na Câmara Federal e os 10% restantes repartidos igualitariamente entre todos os partidos. Os tempos PT: 54 segundos; PSL: 52 segundos; PP 38 segundos; PSD 34 segundos; PL 33 segundos; PSB 32 segundos; PRB 30 segundos; DEM e PSDB 29 segundos cada; PDT 28 segundos; Podemos 17 segundos; Solidariedade 13 segundos; PSOL, PTdoB e PCdoB 10 segundos cada; Patriota 9 segundos; Cidadania, Novo, PROSS e PSC 8 segundos cada. Os chamados partidos nanicos ficaram sem espaço.