Cidades

Edson Souza faz balanço dos 100 dias de mandato

O mandato do vereador Edson Souza (MDB) completa 100 dias, e nesse período, várias ações foram realizadas com objetivo de garantir melhorias para a região. O início do mandato foi marcado por aumento do número de casos de Covid-19, e em razão disso, um dos focos do vereador foi a Comissão de Saúde, a qual assumiu a presidência. “O foco nesse momento é a saúde para tentar minimizar os impactos que a pandemia tem causado na região. Por isso, programamos visitas em todas as unidades de atendimento de pacientes com Covid-19 para levantar demandas e juntos, tentar encontrar soluções que garantissem um bom atendimento à população da região”, afirma Edson.

As visitas da Comissão de Saúde foram realizadas nas Unidades de Pronto Atendimento: UPA Brasília, Veneza, Tancredo Neves; no Hospital de Retaguarda e no Hospital Universitário do Oeste do Paraná (Huop). Em algumas das unidades foi verificada a falta de equipamentos, e através do intermédio dessa comissão, o Huop cedeu 16 colchões de ar, dois aspiradores de secreção e cinco respiradores para as UPA’s; além disso, também foi entregue um equipamento de Raio-X pela Secretaria de Saúde do Paraná, através do intermédio do vereador Edson Souza, e do deputado estadual, Gugu Bueno (PL). “É importante sempre ter um diálogo aberto com todas as unidades de saúde para que possamos entender as principais demandas, e tentar resolver o mais rápido possível para garantir o bom atendimento dos pacientes. Vale ressaltar que são unidades de saúde essenciais para o combate da pandemia, e por isso, é primordial termos o olhar voltado à essas instituições nesse momento”, enfatiza.  Pensando no aumento do número de casos de Covid-19, Edson também defendeu o Lockdown para conter o avanço da contaminação na região, durante as sessões da Câmara de Vereadores.

Na área de saúde, Edson também ajudou a articular novos recursos para o Hospital Universitário do Oeste do Paraná. A proposta, enviada à Secretaria de Saúde do Paraná, prevê no contrato um incremento de exames, e por consequência, um aumento no valor do custeio de R$ 560 mil por mês, devido ao maior número de atendimentos. As alterações do contrato foram enviadas à Procuradoria Geral do Estado (PGE) para trâmites burocráticos. Nesse momento, o vereador também pediu ajuda ao Estado para compra de um novo aparelho de hemodinâmica para a instituição, no valor de R$ 3,5 milhões, tendo em vista que o equipamento já apresenta mais de 10 anos de uso e precisa da substituição. “O incremento do valor ao Huop é essencial para que a instituição possa arcar com insumos, e o novo equipamento também é importante para que seja garantido o bom atendimento da população”, comenta.

Entre outras ações que valem destaque nesses 100 dias de mandato, estão os investimentos para o distrito de São João do Oeste, sendo eles: novos abrigos de paradas de ônibus, que garantem maior comodidade aos moradores e reparos na Estrada Jacob Munhak, que dá acesso à cidade de Cascavel. Nesse momento, está sendo feita a operação tapa buracos, poda das árvores e sinalizações das pistas nesse local, que garantem a segurança em um primeiro momento, até que haja recursos suficientes para reforma geral dessa estrada. O pedido da reforma geral foi feito pelo vereador à Rodovia das Cataratas, Secretaria do Meio Ambiente, Secretaria da Agricultura, Secretaria de Obras e ao Departamento de Estradas e Rodagem (DER).

Em ações que já tiveram resultado, também vale ressaltar a negociação do 13° salário aos 159 funcionários terceirizados dos Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis), que estavam atrasados. Edson Souza ajudou a negociar os valores do pagamento com a maior agilidade possível. 

Além da presidência da Comissão de Saúde e Assistência Social, o vereador também é membro da Comissão de Turismo e Assuntos Internacionais. Além disso, no mês de março participou da chapa “Acamop Forte” e foi eleito tesoureiro da Associação de Câmaras e Vereadores do Oeste do Paraná (Acamop). “Na associação pretendemos pensar em bandeiras conjuntas e fazer política que realmente faça a diferença na vida das pessoas”, ressalta.

No balanço desses 100 dias contabilizam ainda mais de 20 pronunciamentos nas sessões legislativas, além de serem apresentados três requerimentos, quatro moções, sete indicações, uma emenda de Projeto de Lei, e protocolado o Projeto de Lei nº 15/2021, que permite a parceria entre o Poder Público Municipal e a iniciativa privada afim de que se possa trabalhar  em conjunto na imunização, o qual visa a compra de vacinas para o combate à Covid-19.

São mais de setenta reuniões entre entidades, associações e movimentos, também com secretários municipais, para ouvir as demandas e atender aos anseios da população. “O nosso mandato é baseado em política de resultado. É necessário estar aberto ao diálogo, entender as demandas, e para isso, nosso gabinete está aberto para a população, para que possamos conversar sobre os anseios e encontrar soluções. A Câmara de Vereadores é a casa do povo, e por isso, estamos sempre dispostos a fazer política para melhorar a vida das pessoas”, finaliza.

 

(Câmara Municipal de Cascavel)