Variedades

AMIC PR é escolhida para avaliar projetos do XI Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

O Sebrae realiza neste ano a XI Edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor (XI PSPE). A iniciativa tem como objetivo reconhecer, valorizar e disseminar boas práticas das prefeituras de todo o país que buscam estimular o empreendedorismo e os pequenos negócios. A AMIC PR (Associação de Micro e Pequenas Empresas do Paraná) é uma das instituições escolhidas para avaliar 98 projetos entre os 363 municípios que concorrem ao prêmio.

Essa é a primeira vez que a AMIC PR é escolhida para avaliar os projetos. Segundo a presidente da associação, Sonia Xavier, isso demonstra a importância da instituição no contexto estadual. “Ficamos muito felizes por termos sido convidados para avaliar. Somos referência quando o assunto é empreendedorismo e temos atuado incessantemente para continuarmos sendo instrumentos de propulsão para o desenvolvimento econômico e social de nossa cidade, região e estado”, destaca a presidente.

Integram essa comissão avaliadora o diretor financeiro da AMIC PR, Jovane dos Santos Borges; o conselheiro fiscal, João Cunha Junior, e os colaboradores Dulce Gardin Ragazzon e Luiz Sérgio M. Wosiack. “Estamos atentos ao regulamento da premiação e utilizando de nossa avaliação técnica para que possamos contribuir de forma adequada, afinal é uma responsabilidade muito grande. O prêmio é um grande fomentador do empreendedorismo e queremos que esse tipo de prática seja cada vez mais visível, pois geram reflexos construtivos", explica Sonia.

Depois de selecionados, os projetos serão encaminhados para premiação estadual e em seguida serão encaminhados para a etapa nacional, quando vão passar por uma pré-seleção. Somente depois os projetos serão julgados e os escolhidos receberão a premiação nacional ainda neste semestre.

XI PSPE
Os projetos que concorrem ao XI Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor têm os Pequenos Negócios como seu público alvo. E será concedido aos prefeitos municipais de todo o Brasil, que tenham desenvolvido projetos com resultados mensuráveis e comprovados de estímulo à formalização, ao desenvolvimento e à competitividade, contribuindo efetivamente para o crescimento econômico, ambiental e social do município.

Ao desenvolver seus projetos, cada município teve que considerar como base a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, a Lei da Liberdade Econômica e os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Os projetos puderam levar em consideração qualquer setor econômico, beneficiar os pequenos negócios urbanos e/ou rurais, foram desenvolvidos por meio de consórcios, convênios e associações intermunicipais.

Além disso, poderiam ser baseados nos produtos e metodologias do Programa Sebrae Cidade Empreendedora ou ser de autoria própria da equipe do município, deveriam incluir ações vinculadas ao alcance das metas dos ODS quando fossem compatíveis com a categoria selecionada e/ou com o escopo do projeto e poderiam ter participado de edições anteriores do PSPE, desde que apresentem resultados mais avançados e inovadores.

Mais informações sobre a XI Edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor podem ser obtidas pelo site www.prefeitoempreendedor.sebrae.com.br.