Variedades

Empreendedorismo e maternidade: uma história de sucesso

O Dia das Mães, comemorado no próximo domingo (08), é uma data marcada por homenagens às mulheres que não medem esforços para criar, educar e ensinar seus filhos com muito amor e carinho. Também é um período em que os “filhotes” correm para as lojas em busca do melhor presente e movimentam o comércio de forma significativa.

Fato é que, ano após ano, a figura da mãe se modifica, dando espaço para os mais diversos tipos de perfis, desde as que se dedicam 100% à maternidade até as que parecem se multiplicar para conciliar estudos, trabalhos, vida pessoal e maternidade. No mundo empresarial, por exemplo, é cada vez maior o número de mães que se destacam enquanto empreendedoras – segundo pesquisa realizada pela Rede Mulher Empreendedora (RME), 68% das mulheres empreendedoras do país começaram a empreender justamente depois de terem filhos. 

Doralice Fagundes Marchioro é um dos exemplos. De Cascavel, a advogada, empresária do setor de eventos e uma das diretoras da AMIC PR (Associação de Micro e Pequenas Empresas do Paraná), tem dois filhos e uma bagagem gigantesca no que diz respeito ao equilíbrio entre maternidade e empreendedorismo. 

A primeira gravidez, vivida durante o período em que estava na faculdade, não foi um obstáculo para fazer com que ela abandonasse os estudos ou desistisse dos sonhos profissionais. “Foi um momento muito difícil por conta da maternidade, que exige tempo, amor, carinho. Apesar disso, sempre trabalhei muito e mesmo no pouco tempo em que eu estava com ele, aproveitávamos para brincar, fazer piquenique, tarefas da escola... Nunca faltei em nenhuma reunião de colégio e sempre fui muito presente”, relata. 

Com o filho crescendo, ela se formou nos cursos de Ciências Contábeis e Direito. Nesse período, por quatro vezes, tentou se tornar empreendedora, mas as investidas não deram certo. Destemida, ela nunca desistiu e na quinta tentativa o sonho foi alcançado. “Hoje, a minha empresa emprega cerca de 100 colaboradores fixos e outros 300 de forma indireta”, comenta.

Com o sonho da empresa realizado, ela celebra outros dois: os filhos, agora já crescidos, estão formados e seguem suas carreiras profissionais. Sempre aparados, é claro, pela figura dela.  “Sou muito feliz por ver aonde chegamos enquanto família. Por isso, cada dia das mães é motivo de celebração”, conclui.